Blog

Planejamento e Roteirização de Videoaulas – Parte 2

Dando continuidade ao tema “planejamento e roteirização  de videoaula” abordarei aqui a segunda parte: “elementos da linguagem audiovisual”.

Elementos da Linguagem Audiovisual 

A linguagem audiovisual é uma linguagem convencionada em ação, espaço e tempo. Produção audiovisual é uma obra que utiliza áudio e vídeo como forma de comunicação.

Escrever um roteiro e produzir um audiovisual requer rigorosa preparação e conhecimento técnico. Por isso, vamos conhecer os mais usados planos de vídeo, ângulos e movimentos de câmera, alguns termos mais usados na construção de roteiro audiovisual, som e os mais básicos equipamentos de gravação e edição.

Planos em Vídeo:

Plano: é o ponto de vista ou distância focal em relação ao assunto. Indica enquadramento de câmera. Os mais comuns são:

– Plano Geral: que abrange e descreve o ambiente.

– Plano Americano: mostra a pessoa do joelho para cima.

– Plano Médio: mostra a pessoa da cintura para cima.

– Primeiro plano ou close up: enquadra o rosto para transmitir o máximo de emoção.

– Plano de detalhe: para mostrar detalhes ou causar o máximo de impacto emocional ou visual.

 

Posição ou ângulos de câmera:

O ângulo de visão é um elemento de expressão do conteúdo do plano e produz efeito expressivo. Veja:

– Câmera Alta: enfoca a ação de cima para baixo: dá ideia de inferioridade. Diminui o objeto ou a pessoa.

– Câmera Baixa: enfoca a ação de baixo para cima. Dá ideia de superioridade. Aumenta o objeto ou a pessoa.

– Câmera em visão média (normal): tem perspectiva normal e é mais comum. A posição da câmera é na altura dos olhos.

 

Movimentos de câmera: 

Travelling: palavra da língua inglesa travel, que significa viajar, mover. A câmera se desloca por meio de trilhos, ou com o cinegrafista sentado em uma cadeira com rodas, no carro, operando a câmera em movimento. Também auxilia a gravação de objetos em movimento.

– Dolly: só a câmera se move até o objeto ou pessoa. Movimento apenas da câmera.

– Panorâmica: movimento horizontal ou vertical que a câmera realiza sem se deslocar.

– Zoom: movimento ótico da lente câmera: aproximação até o close.

– Zoom in: aproximação: traz o objeto distante mais próximo. Estimula a concentração da atenção.

– Zoom out: afastamento; afasta o objeto para longe. Promove a revelação.

 

Nomenclatura para algumas funções:

– Fade in: surgimento gradual da imagem.

– Fade out: escurecimento ou clareamento gradual da imagem até que ela desapareça.

– Fusão:  “Mescla”, incorpora duas ou mais imagens. Usada para mudança de cena ou salientar a relação entre elas.

– Off: Voz ou som sem apresentação do emissor. Locução. Geralmente usado em narrativas e com insert de imagens.

– Insert: inserção de uma imagem.

– Caracteres: textos, palavras, frases colocados em imagens ou telas.

– Áudio: som do vídeo (trilha, voz, efeito sonoro).

– Vídeo: no roteiro, é a imagem que será mostrada.

 

Som

Sem dúvida alguma, o som é um dos mais importantes elementos da linguagem: proporciona impacto na produção audiovisual, facilita o entendimento, cria clima e situações estimulando a imaginação. Pode ser uma trilha sonora, um efeito especial, uma voz. Enriquece o audiovisual e é indispensável no vídeo.

 

 

Equipamentos

Existem vários tipos de estúdio de gravação de vídeo e TV, e os mais diversos equipamentos para captação de imagens; o mercado de produção audiovisual é muito sofisticado e a cada momento são lançados diferentes e modernos equipamentos que facilitam e sofisticam a gravação e a edição de vídeos. Os mais básicos equipamentos para gravação e edição são:

Câmera: atualmente, existem vários modelos de câmera e formatos diferentes: HD, SD, entre outros. A câmera é considerada também um importante instrumento pedagógico e todos podem operá-la, pois existem os modelos profissionais, mas também os mais simples, de uso amador.

Tripé: dá sustentabilidade a câmera.

Microfone: capta o áudio da voz ou ambiente.

Monitor: retorno da imagem para ajustes da configuração de exibição.

Fone de ouvido: para verificação do áudio captado.

Iluminação: além de clarear e iluminar, é fundamental para criar ambientes. Existem vários modelos e formas de iluminação.

Teleprompter: dispositivo que exibe textos para que o apresentador de televisão possa ler e olhar para a câmera ao mesmo tempo.

Ilha de edição: tem como objetivo finalizar o material gravado: edita, sonoriza e pode adicionar ao material audiovisual diversos efeitos visuais e sonoros. Existem vários tipos de softwares de edição não lineares, cujos sistemas operacionais mais utilizados são da Mac e Windows. O computador é interligado a outros componentes que auxiliam o processo de edição como placa de captura, mesa de áudio, gravadores, monitores, entre outros.

Você gostou?

No próximo mês veremos a terceira parte do tema planejamento e  roteirização de videoaula.

Aproveito para te convidar a curtir também a minha fan page no Facebook:www.facebook.com/patriciarodriguesead

Até mais!

Patricia Rodrigues

Compartilhe

Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp

Mais Artigos

Промокод Поинт Лото – Быстрая игра

Казино PointLoto на веб-платформе Казино PointLoto Casino основано компанией Azartcore Inc. в 2015. Оно ориентируется на геймеров из Украины и стран СНГ. Представители заявляют, что

Leia Mais »